Em algumas planárias, os receptores que percebem luminosidade organizam-se em órgãos visuais primitivos, os OCELOS, que informam o sistema nervoso sobre a intensidade e a direção da luz, mas são incapazes de formar imagens.
Pudemos notar no experimento do laboratório de biologia como as planárias ficavam bem mais agitadas com a luz, que, para elas, representam perigo.
tubelarios.jpg
As células pigmentadas absorvem luz, estimulando células fotorreceptoras; estas geram impulsos nervosos, transmitindo aos gânglios cerebrais pelo nervo óptico. Comparando os impulsos provenientes dos dois ocelos, a planária MOVIMENTA-SE EM DIREÇÃO OPOSTA À FONTE DE LUZ.