Órgãos homólogos são estruturas corporais ou ógãos que se desenvolvem de modo parecido nos embriões de certas espécies. Apesar de origens semelhantes, os órgãos homólogos podem ter funções diferentes. Exemplo: os diversos ossos humanos que têm correpondentes na estrutura óssea de uma baleia. Essas estruturas corporais podem ser consideradas como uma evidência à evolução, podendo ser explicado pelo fato que durante a evolução de cada ser, foi conservada a forma básica, mas adaptada aos diversos ambientes.
(Ver Homologia X Analogia)